Mega Man II (NES)

quinta-feira, 30 de agosto de 2012 Postado por Tristan.ccm

 
Gênero: Ação / Plataforma


Fabricante: Capcom


Lançamento: 1988


Jogadores: 1 player




Geralmente sequências de jogos derrapam feio, se esquecendo da fórmula de sucesso do primeiro jogo: todos se lembram de como Zelda II – Adventure of Link, Super Mario Bros 2 e Castlevania II – Simon’s Quest descaracterizaram seus antecessores. Sorte que a Capcom soube seguir aquele ditado que diz “em time que está ganhando não se mexe” e o segundo jogo do robô azul superou, e muito, o primeiro.

No enredo, nada de novidades: após a surra que levou no primeiro jogo, Dr. Wily está de volta, mas dessa vez ele montou seus próprios robôs para tentar dominar o mundo, e cabe ao mascote da Capcom partir pra cima e deter o arquirrival mais uma vez.

A grande novidade aqui é a opção de usar passwords para salvar seu progresso, o que é uma mão na roda considerando que o jogo está bem maior: ele inaugurou o sistema de oito chefes que seria lei nos próximos jogos, e o castelo de Wily está mais difícil do que nunca: se você é daqueles que tinha pesadelos com o Yellow Devil, espere até enfrentar Mecha Dragon!

A evolução em relação ao primeiro jogo é gritante: gráficos ainda melhores, músicas inesquecíveis (incluindo as até hoje famosas Wood Man e Dr. Wily Stage 1/2), dificuldade alta porém desafiadora (passar pela fase do Air Man sem morrer, que nem esse cara fez, é tarefa para poucos), tudo isso serve para colocar Mega Man II na lista de clássicos inesquecíveis do imortal Nintendinho. Desde a famosa abertura com a antológica cena do prédio, passando pelas fases bem construídas, a trilha sonora fodástica, os chefes apelões como sempre, as armas criativas que eles nos dão quando derrotados (minha favorita é a Metal Blade), é muito difícil achar defeitos nesse jogo (tá bom, a capa é um lixo, mas quem liga pra ela?).

Mega Man II é obrigatório a todos os fãs de jogos clássicos. Como sempre acontece quando se trata de um jogo antigo do Blue Bomber, você vai jogar, vai passar raiva, vai xingar, arrancar os cabelos, mas vai insistir até detonar o Dr. Wily, e depois disso vai resetar seu emulador NES com aquele gostinho de dever cumprido. Uma coisa que eu garanto que só jogos do naipe de Mega Man II são capazes de fazer.


NOTA FINAL: 10,0
ARRISCO DIZER QUE MEGA MAN II É O MELHOR JOGO EM 8 BITS DA FRANQUIA. UM CLÁSSICO COM “C” MAIÚSCULO, OBRIGATÓRIO A TODOS OS RETROGAMERS.
Plataforma:


Comente com o Facebook: