Ayrton Senna’s Super Monaco GP II (Mega Drive)

sexta-feira, 12 de setembro de 2008 Postado por Tristan.ccm

Gênero: Corrida


Produtora: Sega Enterprises


Lançamento: 1992


Jogadores: 1 player






Muitos jogos baseados em esportes usam o nome e/ou a assessoria de um grande nome do esporte retratado. Quando a Sega quis fazer um jogo de corrida para o Mega Drive, chamou o melhor de todos!

Falar desse jogo pra mim não é só fazer um review. Afinal, não tinha um domingo em que eu não acordava cedo (ou até mesmo de madrugada) para ver uma corrida de Formula 1. Eu era (e ainda sou) um fã de Ayrton Senna, sempre admirei o piloto e, principalmente, a pessoa que ele era. Ele sempre foi e será um exemplo pra mim.

Pena que em 1992 eu não tinha grana pra comprar um Mega Drive, pois desde aquela época eu já curtia um joystick, e fiquei aguado todos esses anos pra jogar o até hoje único game de F1 que teve a participação de meu ídolo. Felizmente hoje existem os emuladores!

Senna não colocou só umas fotos bacanas e seu nome nesse jogo, ele participou do desenvolvimento quase todo, dando várias sugestões. Por isso, creio que esse é um dos mais realistas jogos de corrida da era 16 bits. Exemplos: bateu, é fim de prova (você não “ressuscita” depois da porrada) e se você esquecer de tangenciar a curva vai parar lá longe, igualzinho a um carro de verdade. As pistas (da temporada de 1991) também estão todas lá, com o mesmo traçado, as mesmas subidas e descidas e até o mesmo cenário, com direito às praias em Phoenix (GP dos EUA) e a uma floresta em Hockenheim (GP da Alemanha). Até mesmo as curvas mais famosas, como a Lowers (mais conhecida como “o grampo de Mônaco”) e a Eau Rouge (a mais rápida da temporada, em Spa Franconchamps, na Bélgica) foram meticulosamente construídas e são feitas no game exatamente como na realidade: a primeira devagarinho e a segunda de pé embaixo.

Se isso não fosse o bastante, o jogo tem três pistas exclusivas, duas desenhadas pelo próprio Senna e uma com o mesmo traçado da pista de kart que ele mandou fazer em seu sítio, em Tatuí, São Paulo. O próprio piloto dá dicas sobre elas, em inglês.

Então esse jogo não tem defeitos? Realmente, nada é perfeito, pois os carros são todos iguais (só o seu é diferente), itens como pit stops e chuva não aparecem, apesar de serem comuns no mundo real, e a trilha sonora simplesmente não existe. Porém, nem mesmo esses defeitos conseguem macular esse jogo.

Se você tem um Mega ou conhece alguém que quer vender um, dê uma garimpada nas “Galerias Pajé” da vida pra ver se acha esse jogo, pois vale a pena. Se não tem, apele pro emulador. O que você, fã de Senna ou do Mega, não pode fazer é não jogar esse game. Nem que seja pra matar a saudade do nosso eterno tricampeão.


“Vocês nunca saberão como um piloto se sente quando vence. O capacete oculta sentimentos incompreensíveis”
Ayrton Senna (1960 – 1994)





NOTA FINAL: 8,9
UMA JUSTA HOMENAGEM AO MAIOR PILOTO DE TODOS OS TEMPOS E, DE QUEBRA, UM ÓTIMO GAME DE CORRIDA. ALTAMENTE RECOMENDADO!

Plataforma:


Comente com o Facebook: