Michael Jackson's Moonwalker (Mega Drive / Master System)

terça-feira, 21 de abril de 2009 Postado por Azrael_I



Gêner
o: Aventura/Nave


Fabricante: Sega


Lançamento: 1990


Jogadores:
1-2 Jogadores





No final dos anos 80, o Rei do Pop (que era como ele era conhecido, na época) já estava começando a ficar com sua popularidade lá em baixo. Entretanto, se tem uma coisa na qual Michael Jackson sempre foi bom é a publicidade (seus acessores, pelo menos). No ano de 88 então ele lançou o filme Moonwalker, no qual ele, no papel de super-herói, tinha que salvar umas crianças de um vilão malvado chamado Mr.Big; a verdade é que o filme era apenas para lançar e promover alguns dos clipes novos do cantor (entre eles Smooth Criminal e Bad) além, claro, de dar uma melhorada na imagem dele, que estava fortemente detonada pelo fato de ele ter contraído vitiligo (aquela doença de pele) e a comunidade negra o acusou de traidor da raça por ter virado branco (detalhe importante: o filme é anterior aos escândalos sexuais envolvendo o Michael; ou seja, a imagem dele já estava ruim, antes mesmo disso). Seguido ao filme, numa boa estratégia de Marketing, foi então lançado dois anos depois o jogo homônimo para Arcade, Mega Drive e Master System e, logo depois, para Amiga, Amstrad PC, Atari ST, Commodore 64, MS-DOS, MSX e ZX Spectrum; talvez a gurizada de hoje não esteja familiarizada com isso, mas na época o comum era mesmo fazerem jogos baseados em filmes, enquanto que hoje a tendência é o contrário (aliás, P.A. e Tristan, vale aqui uma dica: vocês já fizeram aqueles posts dos filmes baseados em jogos, que tal um sobre os jogos baseados em filmes?). Seja como for, a estratégia deu certo e a popularidade do Michel voltou a crescer (até cair de vez com os escândalos sexuais), não só por causa do filme, mas também pelo sucesso do jogo. Vamos então falar do jogo (mas apenas a versão para Mega e Master, que é bem diferente da versão para Arcade).

A história do jogo segue exatamente a mesma do filme (a partir da metade do filme, ou seja, do clipe de Smooth Criminal). No jogo, Michael Jeca tem que salvar as crianças, que estão escondidas por todo o cenário da fase (vale ressaltar que tem bem mais crianças no jogo que no filme, onde só tinha três). Enquanto isso, ele enfrenta os capangas do vilão usando seus passos de dança como golpes e poderes, sempre ao som de suas músicas, claro. As crianças ficam escondidas atrás de portas, janelas, arbustos, latas de lixo etc., mas nestes mesmos lugares podem estar escondidos inimigos. O mais legal é que um dos poderes faz todos os inimigos do cenário dançarem junto com Michael, mas isso consome metade da energia. Também dá para transformar Michael num robô, pegando um cometa que aparece em algumas fases, que nem acontece no filme.

Os gráficos estão bons; não são nem de longe o melhor que o Mega podia oferecer (mas eram o melhor que o Master podia, por outro lado), mas os personagens estão muito bem costumizados, os cenários do jogo reproduzem bem os cenários do filme (principalmente o Club 30). É claro, como nem tudo é perfeito, todos os vilões e crianças são clones uns dos outros; até mesmo o 2º jogador joga com um clone do Michael, mas de roupa vermelha. No total, são cinco fases que reproduzem bem os cenários do filme, exceto a terceira fase que é uma reprodução de um clipe que não está no filme: Thriller. Há também algumas imagens digitalizadas que, na verdade, podiam ter sido dispensadas. Um dos detalhes mais legais é que, no começo da primeira fase, Michael inicia a música atirando uma moeda no toca-discos, da mesma forma que acontece no filme, em Smooth Criminal, sendo esta justamente uma das melhores sequências tanto do filme quanto do jogo.

A jogabilidade também está boa; os movimentos e golpes seguem fielmente as danças e passos do Michael, com muitos detalhes. Além do chute, também é possível soltar um "gancho" (cuja única utilidade é fazer descer as escadas na primeira fase), andar girando para evitar golpes e atingir os inimigos (consome a barra de energia), arremessar o chapéu como arma, além claro de poder executar a dança; cada dança varia de acordo com a fase e a música que estiver tocando, e os movimentos seguem bem os dos clipes do cantor. Pegando o cometa e se transformando em robô, Michael fica invulnerável, além de poder atingir os inimigos com tiros, mas a transformação só dura alguns segundos. A última fase, porém, muda completamente a jogabilidade: Michael se transforma numa nave e persegue a nave do vilão numa batalha em primeira pessoa.

Como não poderia deixar de ser, a melhor parte do jogo é a música. Cada fase reproduz uma (ou mais) das melhores músicas da carreira de Michael. Além disso, as vozes digitalizadas estão muito boas (pra época), aproveitando toda a capacidade do processador do Mega (mas não tem vozes digitalizadas no Master). Seja como for, não há nada melhor do que ouvir a guitarra de Eddie Van Hallen tocando Beat It, ainda que em versão Mid.

No total, são cinco fases, mais a fase da nave. A Sega planejou uma continuação, mas devido às acusações de pedofilia contra o cantor, teve que cancelar seus planos (embora Michael Jackson chegue a aparecer em outros games, como Space Channel para Dreamcast). Outras curiosidades:

- Dá pra fazer o Michael gritar Woo! executando certos ataques;
- Dá pra fazer ele gritar Woo! o tempo todo, só apertando o direcional pra cima;
- Ele grita Woo! em algumas cutscenes entre as fases, com um gif digitalizado (um daqueles que poderiam ter sido dispensados), enquanto em outras ele grita "Who's bad?";
- É possível fazer a Caminhada na Lua (Moonwalk) se segurar o botão de chute e apertar para o lado (este movimento é necessário para passar de certas partes do jogo, como as teias de aranha);
- Sempre que se resgata todas as crianças de um estágio, aparece o chimpanzé Bubbles (o macaco de estimação do Michael Jackson), indicando a direção que se deve ir para encontrar o chefe de fase;
- É dito que a música Thriller iria ser a música principal da terceira fase, mas foi usada a música Another Part of Me em vez disso, Thriller só toca quando se executa a dança. Em algumas cópias do jogo, Thriller foi completamente removida.

Enfim, Moonwalker é um jogo interessante, divertido até, e que ajudou a restaurar a fama de Michael. Digam o que quiserem, a música do cara é sim muito boa, seu álbum Thriller ainda é o maior recordista de vendas em todo o mundo (e provavelmente vai continuar sendo, graças à geração MP3) e o jogo fez um certo sucesso, perfeito pra se jogar numa tarde de modorra. Infelizmente para Michael, os escândalos sexuais e muitas de suas esquisitices (como a questão das plásticas) ajudaram a afundar sua carreira.



NOTA FINAL: 8,5
UM JOGO LEGALZINHO, COM ÓTIMAS MÚSICAS E BONS GRÁFICOS, MAS COM HISTORINHA CLICHÊ. MUITO BOM PRA ÉPOCA, MAS QUEM NÃO FOR FÃ DE MICHAEL JACKSON OU, NO MÍNIMO, NOSTÁLGICO DOS JOGOS DA SEGA, VAI ENJOAR RÁPIDO. JOGUEM E AVALIEM.
Plataforma: ,


5 comentários:

P.A. disse...

É, o titio Michael sempre curtiu umas criancinhas mesmo! =P

vgbrasil disse...

Que bizonho, já na época ele tinha essas fixações por criancinhas meu!

Nunca joguei esse jogo, mas conferi alguns vídeos porai a fora e me pareceu que os sprites foram muito bem feitos e as músicas, como foi dito, são o ponto forte mesmo.

O cara pode ser gay, pedófilo, monstruoso, o que for, mas as músicas dele são massa pra mecher o esqueleto :)

Anônimo disse...

bando de idiotas e imbecis, criticam michael, mas nao sabem pelo que ele passou na vida.. ele era um cara mto bom e generoso, e por nao ter tido sua infacia ele agia dessa maneira gostava de se comportar como criança e as amava mto... ele foi o cara que mais ajudou crianças e adolescentes pobres em todo o mundo! vcs nao sabiam disso? claro que nao so sabem criticar! esse jogo e massa e as musicas perfeitas! Michael Jackson sempre será o rei do pop! engulam suas criticas, nao chamem ele do q ele nao era bando de hopócritas desemformados! e no mais, vida longa ao rei!

Paulo Vitor disse...

Este jogo do Michael e o melhor do mundo, e não tenho nada contra Michael ele foi o melhor rei de todos os tempos e como a pessoa a cima disse bando de idiotas e imbecis, criticam michael, mas nao sabem pelo que ele passou na vida,ele foi o cara que mais ajudou crianças e adolescentes pobres em todo o mundo! vcs nao sabiam disso?
então não juguem o rei pelas aparências a pesar dele não estar mas com a gente mas ele sempre vai estar em nossos corações, porque NOS TE AMAMOS MICHAEL JACKSON!!!

ronaldo araújo disse...

acabei de jogar esse jogo si alguem ai quiser mim da umas dicas de como: fazer ele dança com os outros e passar do ultimo passo da 2 fase escreva ai em baixo. agradessso muit quem puder ajudar. MJ is alive in my heart!

Postar um comentário