Warcraft: Orcs & Humans (PC)

sexta-feira, 22 de outubro de 2010 Postado por P.A.

 
Gênero: Estratégia


Fabricante: Blizzard Entertainment


Lançamento: 1994


Jogadores: 1-2 players (multiplayer)

A série Warcraft ainda rende bilhões de moedas Obamas pra Blizzard, com seu massivo jogo de estratégia em tempo real: World of Warcraft. Apesar de ser uma série de sucesso, se olharmos pro jogo inicial da série veremos que ele não era tão bom quanto o nome que carrega. Até tinha seu charme é verdade, mas pecava em diversos aspectos...

Em Warcraft: Orcs & Humans somos apresentados às duas civilizações que vivem numa sangrenta guerra. Um portal se abriu e trouxe os Orcs para Azeroth, as terras conquistadas pelos humanos e agora os Orcs querem tomar essas terrras pra eles, já os humanos querem exterminar os Orcs da face da terra e viver tranquilamente no seu canto. Ao passar pelas missões um pequeno texto vai contando mais sobre a história e o que você deve fazer na missão seguinte...

Graficamente falando, o jogo é bom. Os cenários apesar de serem praticamente iguais são bem feitos, e os sprites dos seus soldados são detalhados e tem uma movimentação fluída e suas construções são bem legais também, cada qual com seus aspecto.

A música é bacana, mas é sempre a mesma o que certamente irá enjoar com facilidade. Pra falar a verdade acho que a Blizzard não é uma empresa muito preocupada com grandes obras primas músicais, com excessão é claro do clássico Rock'N Roll Racing. Os efeitos sonoros são muito legais e cada construção e unidade tem um som característico, apesar da voz dos personagens ser feita pela mesma pessoa.

O gameplay do jogo segue a cartilha dos jogos de estratégia em tempo real. Colete recursos, no caso ouro e madeira, e construa edifícios pra treinar unidades e aperfeiçoa-las. Dito isso é preciso falar sobre um grande defeito nessa parte...
Os recursos são armazenados pelos seus aldeões/peões no Centro da Cidade (o edíficio principal). Porém quando os recursos próximos à sua cidade vão se esgotando você é forçado à coletar os mais distantes, porém, não é possível construir outro centro ou qualquer tipo de edifício pra armazenar os recursos, o que vai fazer seus aldeões/peões percorrem distâncias enormes pra coletar e trazer de volta à cidade. Desnecessário dizer que isso faz com que você demore tempo demais pra coletar recursos.

Como dito anteriormente, o jogo possui duas raças e você pode jogar o modo campanha daquela que desejar. Os humanos são mais focados na defensiva, com unidades de cura e os orcs são mais brutais e ofensivos com magos. No geral as duas raças são bem equilibradas pra que não haja um desnível entre elas.

Uma coisa interessante e que não foi mais vista nos jogos posteriores, é que você só pode construir edifícios próximos às estradas. De certo modo é legal, mas eu prefiro mais liberdade pra construir onde bem entender. Outra coisa que foi retirada dos jogos seguintes foi a construção dos muros, infelizmente, pois acho os muros bem úteis.

Além dos problemas citados temos o problema da inteligência artificial que deixa muito à desejar. Alguns soldados seus às vezes não atacam unidades inimigas que estão bem próximas à eles! Tem horas que um soldado esta lutando sozinho enquanto os outros que estão logo ao lado estão apenas observando. Talvez seja uma questão de honra dos soldados deixar os parceiros lutarem no mano a mano... Ou talvez eles gostem de ver os caras se ferrarem mesmo!

Agora o problema mais gritante de Warcraft é sem sombras de dúvidas sua jogabilidade bizonha. Sério, tentem jogar e me digam se não ficam irritados com tamanha falta de capricho dos criadores! Vamos levar em consideração que em jogos do gênero a jogabilidade é sempre muito simples e prática, utilizando apenas os cliques do mouse você pode fazer o que quiser. Pois é, mas com Warcraft não é bem assim!

Pra começo de conversa, não basta apenas clicar no personagem e depois clicar com o mouse aonde você quer que ele se mova. Negativo! Você precisa clicar no personagem e logo em seguida clicar no ícone MOVE que fica no menu ao lado esquerdo da tela e só então clicar no lugar pra onde você quer mover o personagem... Tem noção de como isso se torna trabalhoso? Imagine você indo com seus soldados atacar o inimigo e ter que ficar clicando toda hora no botão ATTACK e nos inimigos que quer atacar. Pior que isso é que você só pode selecionar no máximo 4 personagens por vez... Ou seja, você pode até montar um exercíto de dar inveja em Leônidas, mas só pode mover quatro personagens por vez. Agora junte isso com o defeito da movimentação citado anterior.

Sentiu o drama? Selecione quatro personagens, clique no botão MOVE e mova seu gigantesco exercíto de quatro homens, logo em seguida rapidamente selecione mais quatro e faça o mesmo processo pra mandar todos próximos e atacar com força total seu inimigo. Cara isso é tedioso pra caralho! Quem foi o filho de uma puta que resolveu fazer isso? Por que não colocou a movimentação simplesmente no clique no mouse? Por que caralhos esse sem vergonha quis fuder com o jogo inteiro cagando na jogabilidade?
Tudo bem, é um jogo de 1994 e foi o primeiro da série, mas isso não é justificativa pra não colocar a jogabilidade no simples toque do mouse!

Claro, existem as teclas de atalho que evitam você de ter que ficar indo com mouse toda hora no menu lateral, mas isso não diminui sua tortura! Esqueci de mencionar também que pra selecionar as quatro unidades por vez não basta apenas segurar o botão do mouse e arrastar. É preciso segurar o botão CTRL e aí sim arrastar pra selecionar as unidades...

Sério, conseguiram acabar com um jogo bacana só com essa jogabilidade ridícula. Acho que até o jogo do Predator (NES) tem uma jogabilidade mais tranquila que esse jogo...


NOTA FINAL: 6,0
WARCRAFT: ORCS & HUMANS TINHA TUDO PRA SER UM GRANDE JOGO, ATÉ PROS DIAS DE HOJE... NÃO FOSSE SEU GAMEPLAY FALHO E SUA JOGABILIDADE DE MERDA!
Plataforma:


Comente com o Facebook: