Top 10: Os piores consoles de videogame já lançados

terça-feira, 24 de janeiro de 2012 Postado por Tristan.ccm

Todo mundo sabe o sucesso que consoles como NES, Playstation 2 e Xbox 360 alcançaram, mas nem sempre lançar um console acaba rendendo o que as produtoras queriam. Veremos aqui quais foram os consoles que só fazem sucesso (ou não) entre os colecionadores. Que se abram as portas do inferno!!


10º lugar: Gizmondo

Fabricante: Tiger Telematics
Melhor jogo: FIFA 2005

No papel, é um ótimo console: além dos gráficos legais, Bluetooth, entrada para cartão de memória, internet via WAP... Sendo assim, porque ele não emplacou? Podem acreditar, mas a Tiger Telematics tinha ligação com a máfia sueca! Tanto que o fundador da empresa, Stefan Eriksson, acabou até preso por isso. Some essas notícias à quase nenhuma publicidade feita para divulgar o console e temos um fracasso retumbante.

9º lugar: Halcyon

Fabricante: RDI Video Systems
Melhor jogo: NFL Football

Se você é daqueles que xingou o pessoal da Sony até a quinta geração por causa do preço de lançamento do PS3, imagine pagar 2500 dólares por essa jóia da tecnologia em 1995? Sem chance! E olha que ele prometia integrar todos os eletrônicos da casa, e com comandos de voz (que, adivinhem, não funcionavam direito)! Só dois jogos foram lançados para ele, que praticamente não vendeu nada. Por que será, né?

8º lugar: Game.com

Fabricante: Tiger Eletronics
Melhor jogo: Mortal Kombat Trilogy

O que você esperaria de um console portátil com a promessa de conexão com a Internet? Velocidade e praticidade, não é mesmo? Então que tal um console que se conectava à rede por meio de um CABO VENDIDO SEPARADAMENTE! O fato de ser o primeiro portátil com tela sensível ao toque (tela essa que era em preto e branco, numa época em que o Game Gear já era colorido) não salvou o portátil de um naufrágio vergonhoso.


7- Atari 5200

Fabricante: Atari
Melhor jogo: H.E.R.O. (do Atari 2600)

A Atari estava fazendo um sucesso estrondoso com seu console 2600. Com isso, seus executivos tiveram a pior idéia da história: "vamos lançar qualquer coisa, o pessoal vai comprar só porque é da Atari". O resultado foi, além do famoso "crash de 1984", essa monstruosidade aí, que nada mais era do que um 2600 com outra roupa. Mas nenhuma descrição do 5200 seria completa sem falar de seu joystick: como um cidadão que pensa iria achar que um controle de videogame precisa de um teclado de telefone? E a alavanca de controle, frágil e imprecisa? Na boa, a Atari teve o fim que mereceu!

6º lugar: R-Zone

Fabricante: Tiger Eletronics
Melhor jogo: Batman Forever

Copiar o que é bom é receita de sucesso, não acham? E copiar o que é ruim? Sim, foi isso que a Tiger fez: copiou a idéia do Virtual Boy! O console ficava amarrado na testa, você tinha que olhar a telinha com um olho só e os gráficos eram parecidos com os antigos "minigames". Será que cansava a vista? A única vantagem dessa coisa era o preço: trinta doletas.

5º lugar: N-Gage

Fabricante: Nokia
Melhor jogo: Sonic N

Todo mundo já jogou alguma coisa no celular, afinal é muito fácil instalar e remover jogos na maioria dos aparelhos. Num celular projetado para jogos isso devia ser ainda melhor, certo? Bem, sabem como se trocava um jogo de N-Gage? Era preciso desligar o aparelho e tirar a bateria pra trocar o cartão! Na minha opinião, quem teve essa idéia deve ter sido o mesmo cara que projetou o joystick do 5200, ou então é burro igual.

4º lugar: CD-i

Fabricante: Phillips
Melhor jogo: Secret Mission

A idéia principal já era errada: um console voltado para jogos educativos! Some isso a um joystick bizarro e a um verdadeiro estupro feito nas franquias Mario e Zelda (o cara da Nintendo que teve essa idéia deve ter pesadelos até hoje com esses jogos) e temos um console conhecido, mas que simplesmente ninguém gosta de lembrar.

3º lugar: Jaguar

Fabricante: Atari
Melhor jogo: Alien vs. Predator

A medalha de bronze vai para o console mais mentiroso da história: nas propagandas, a Atari pedia aos gamers que fizessem as contas para ver qual console valia a pena. Era só ver um Jaguar funcionando que os jogadores se decidiam... pela concorrência! Aquilo não tinha 64 bits nem aqui nem na China! Isso sem contar que aparentemente o projetista que criou o joystick do 5200 não foi demitido, pois o do Jaguar também tem teclado de telefone! O Jaguar foi a tampa do caixão da Atari, e garanto que ninguém chorou no enterro.

2º lugar: Zeebo

Fabricante: Tectoy
Melhor jogo: Resident Evil 4

O vice-campeão da lista, infelizmente, é brasileiro. Será que a Tectoy achou que ninguém ia perceber que os jogos do Zeebo eram games de celular adaptados? E será que eles acharam que alguém, em são consciência, gastaria 400 reais nesse console? Pior de tudo foi o fato dele não ter mídia física, mesmo erro que abortou o projeto do Infinium Phantom (que você viu na nossa série Consoles Cancelados). Isso barateou os jogos, mas deixou todo mundo que embarcou nesse Titanic gamer na mão no fim de 2011, quando a rede 3G que servia o console saiu do ar. Ou seja, quem ainda tem um não pode colocar novos jogos nele!

1º lugar: Virtual Boy

Fabricante: Nintendo
Melhor jogo: Wario Land

Mesmo o peso de papel da Tectoy não foi capaz de tirar a coroa do Virtual Boy. Afinal, pior que um console que deixa seus compradores na mão, só um que prejudica a saúde de quem joga. O fato dele ser programado para desligar após alguns minutos de jogatina prova que a Nintendo sabia que ele fazia mal, mas lançou assim mesmo! Quem pagou o pato foi o Gunpei Yokoi, o pai do Game Boy e da série Metroid, que projetou o console e perdeu o emprego por causa dele. Tá vendo só, até os gênios erram!

MENÇÕES HONROSAS

- 32X

Fabricante: SEGA
Melhor jogo: Star Wars Arcade

Esse só não entrou por não ser um console, mas sim um acessório do Mega Drive. Sua promessa de duplicar o poderio do 16 bits da SEGA esbarrou na falta de games e no jeitão de gambiarra do acessório. Some isso à qualidade duvidosa de alguns games (seu Doom conseguia ser pior que o de SNES!) e a seu alto preço e temos o início do fim da SEGA.

- Brick Game

Fabricante: alguma empresa de Taiwan
Melhor (e único) jogo: Tetris

Não dá pra considerar um console algo que tinha 9999 jogos na memória... e todos iguais! Com certeza o Brick Game foi o maior engana-trouxa já inventado, pois não duvido que muitos pais compraram um pros seus filhos pensando se tratar de um Game Boy! Bem, mas ele era barato e Tetris é um bom jogo, então garanto que muita gente teve um, por pior que ele fosse!


Comente com o Facebook: